sábado, 8 de agosto de 2009

Fast Poetry

Grave, grave os teus graves
que mais grave é o meu anseio
de ouvir-te sob a letra do poeminha

O trocadilho, eu bem credito
e a letra - brande Cássio:
"Pô, é minha!"

Nenhum comentário: